IMMuB: Livro de Rodrigo Faour conta a história da música brasileira sem preconceito

Posted by Chris Fuscaldo Category: Trabalhos

Perto do fim de 2021, o jornalista Rodrigo Faour lançou o livro História da música popular brasileira sem preconceitos – Dos primórdios, em 1500, aos explosivos anos 1970 (Editora Record). Preparando o terreno para um segundo volume, esse primeiro traça em 573 páginas o caminho que a música percorreu dos tempos em que o Brasil era indígena até a chegada do samba-rock. Sem dúvida, a manifestação artística mais diversa do mundo caberia em muito mais do que as (aproximadamente) mil páginas que o primoroso trabalho de Faour nos oferecerá depois que os dois livros estiverem lançados. Os artistas, claro, não estão todos lá. Nem teria como destacar um a um. Ainda assim, é primorosa a pesquisa que o fez conseguir não esquecer de nenhum gênero musical, e ainda resgatar manifestações e artistas que sofreram apagamento ao longo da história. É tanta coisa, que é difícil até escolher sobre o que falar em um artigo que não passará de três páginas. 

Assim começa o artigo deste mês publicado pelo Instituto Memória Musical Brasileira (IMMuB).

Leia o texto na íntegra

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Required fields are marked *.

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>