Uma resposta aos argentinos durante a Rio 2016: ‘Vamo, carajo!’

Entendendo nada de Olimpíada, fui ontem para o Maracanãzinho achando que veria só Cuba x Rússia no vôlei. Eis que, em um dos intervalos, descubro que em seguida teria outro jogo: Argentina x Irã. Pirei! Dois países latino-americanos para torcer! Fui, então, comprar uma cerveja. E eis que a seleção argentina passou logo ali embaixo, pertinho de mim. Não me aguentei e fiz como eles faziam nos tempos em que eu estava em Rosário. Se lá muitos deles falavam (alto) “Que linda que sos!”, “Hola, rubia!” e coisas do tipo quando eu passava, aqui eu gritei mesmo, naquele portunhol esperto, para todos ouvirem: “Vamo, carajo! No sean boludos, por favor!” Durante a partida, quando os hermanos começaram a titubear, Marco disse que eu havia desconcentrado os caras. Que nada! Eu os incentivei! A vitória foi por 3 sets a 0. Viva!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Required fields are marked *.

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>