Silvero Pereira abre os olhos dos preconceituosos misturando Roberta Close com Caio Fernando Abreu na peça ‘BRTRANS’

Posted by Handré Garcia Category: Colaborações Tag:

Na última sexta-feira (29/07), vivi uma experiência inesquecível, ao assistir o espetáculo BRTRANS, do ator cearense Silvero Pereira. Pode vir algo de bom, fora do eixo RJ-SP? Claro que pode! E Silvero mostra isso com seu trabalho de pesquisa do universo de travestis e transexuais brasileiras. Com um espécie de lança flamejante, o ator cutuca no fundo de nossos olhos, esses que fazem questão de invisibilizar essas pessoas que estão nas esquinas de nossas cidades. Em cena, o corpo de Silvero dança um balé de diferentes dinâmicas, que começa com a mirada faceira da personagem Gisele Almodóvar à busca pelo fim do arco-íris, presente na declaração de Roberta Close. Com desenhos e rabiscos, Silvero dança o balé desconcertante de monstros espectrais que só ganham vida para a satisfação garantida de alguns hipócritas.

Continue lendo

Em dores e delícias, os pés de Silvero rabiscam suavemente e fazem pegadas fortes no palco ao transitarem entre a transformista iniciante e o cafuçu atordoado. Atravessado pelas vozes de Caio Fernando Abreu, Pedro Abrunhosa e Lana Del Río, segue o ator tatuando em seu corpo os nomes das personagens que emprestaram suas histórias para a construção de uma narrativa trans.
No fim da função, em meio à uma plateia atônita, com uma expressão de perplexidade, só consegui agradecer a Silvero Pereira por dar vida a esses espectros que se inscrevem em nossa atmosfera e que nossos MUITOS preconceitos não nos permitem enxergá-los como formas de vida, com suas subjetividades e especificidades. ‪#‎BRTRANS‬

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Required fields are marked *.

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>