Lenine lança gravações diferentes da turnê ‘Chão’

Lenine em ChãoUma gravação diferente, com câmeras instaladas perto dos músicos e adaptadas aos corpos dos técnicos. A turnê Chão durou dois anos e meio e passou por 80 cidades diferentes, totalizando 130 apresentações, e seu registro foi feito assim, mostrando a passagem do tempo. Os 22 vídeos podem ser vistos um a um, a partir desta sexta-feira (13/03), através do canal de vídeos de Lenine no Youtube.  O primeiro a ser lançado é Chão. Assista ao clipe:

Curiosidades:

* Chão tinha samplers (sons prés gravados) gravados nas MPCs, nos laptops usados com protools e live. A diferença entre eles é que os samplers das MPCs e do Live eram tocados pelos músicos durante a apresentação;

* Em alguns outros momentos, os samplers eram gravados na hora do show usando um pedal de guitarra o DL4. A voz e o violão do Lenine foram usados desta forma;

* O andar na brita, a chaleira, a serra eléctrica, as cigarras, os subgraves fortes, o metrônomo, os backing vocals do Lenine e o passarinho são exemplos de samplers usados no Protools;

* As MPCs tinham sons percussivos e melódicos, os berimbaus, as frases “isso é só o começo”, alguns acordes de piano e percussões graves com melodias também. As MPCs eram tocadas no momento do show com samplers de pequena duração;

* O Live tinha a máquina de lavar, o passarinho que teve seu canto sampleado e transformado em várias notas, os backing vocals do Lenine, com samplers que formavam loops ou eram tocados. Bruno tocava o live e ia alternando os momentos de entrada de cada som. Em Isso é Só o Começo os sons eram somados, e iam se sobrepondo durante a música;

* O desafio de fazer surround em vários lugares diferentes era achar a melhor posição das caixas. A equipe procurava sempre usar um número grande de caixas para distribuir bem o som e não comprometer a audição de alguma parte da platéia. Tecnicamente, o número de caixas permite que elas estejam em um volume reduzido, fazendo apenas a cobertura sonora do espaço próximo a elas, desta forma os espectadores podem entender cada efeito e captar a idéia artística do show sem que seja necessário um volume alto para tal. Ou seja: o número de caixas está diretamente relacionado a uma redução do volume e não a um aumento dele;

* De 130 apresentações de Chão, em apenas duas não foi possível ter o efeito surround.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Required fields are marked *.

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>